Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Dados e seu potencial de transformação são abordados no Ciclo LabTech Talks

Publicação:

.
.

Com a abertura do Secretário Claudio Gastal, da Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão (SPGG), ocorreu quinta-feira (29) o primeiro encontro do Ciclo LabTech Talks, em torno do tema Dados e seu potencial de transformação. O palestrante-convidado do evento foi João Tapadinhas, Diretor de pesquisa da Gartner, com ênfase em Business Analytics e Ciência de Dados.

Claudio Gastal pontuou que, no cenário atual, “não adianta ter apenas a cultura de compartilhamento (de carros, informação, mesas de restaurantes, de espaço de cocriação do Governo), mas também é fundamental criarmos uma cultura de compartilhamento de dados e formas de potencializar este compartilhamento, à luz da nova Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), que temos como um grande marco tanto para o setor privado, quanto para o setor público”.

Liderado pelo Departamento de Governança e Inovação de Tecnologia da Informação e Comunicação (DGTIC) da SPGG, o LabTech é o Laboratório de inovação do Governo, e tem sua localização física no Centro Administrativo Fernando Ferrari, junto ao Caff Working, espaço de cocriação inaugurado em maio. O LabTech tem três objetivos centrais: a discussão de tecnologias emergentes, a cultura de inovação e as TICs para o Governo, com multiplicação do conhecimento e ampliação de canais de cocriação e construção coletiva também na parte de dados, visando aprimorar os serviços prestados à sociedade.

Segundo o Secretário Gastal, “esta mudança de cultura, do analógico ao digital, é parte da própria estratégia de Governo. O RS é um estado que tem grandes responsabilidades e que hoje é o primeiro estado da federação em serviços prestados ao cidadão”.

João Tapadinhas salientou em sua palestra o crescimento das potencialidades da Data Analytics (DA), que consiste no processo de analisar informações com um propósito específico. “Há muitas aplicações da DA no mercado, há muitas áreas que estão tendo uma inovação significativa, da saúde à automação, de fábricas, carros e celulares ao Netflix, que diz qual filme vamos gostar, com base em nossas escolhas anteriores”. 

Destacando a importância de uma gerência colaborativa e do compartilhamento de dados, Tapadinhas pontuou que “a DA pode ajudar a entregar mais ao cidadão, poupar recursos e ajudar a fazer mais com os mesmos recursos”. A apresentação sistematizou as capacidades analíticas disponíveis no mercado, dando uma ideia do que hoje existe como ferramentas da Date Analytics e do que pode vir a existir.  A ilustração abaixo sintetiza suas principais recomendações e aqui encontra-se a íntegra da palestra. 

3007labtech

Encerrando o evento, o diretor do DGTIC/SPGG, Jeferson Padilha, reforçou que o momento do estado do RS é justamente o de repensar as estratégias em relação à inovação, compartilhar as experiências e trazer as pessoas para a discussão. Agradecendo à parceria da Gartner e dos demais órgãos do Estado, salientou que este é o momento ideal para aquecer esta discussão, já que “este é o movimento que estamos fazendo no RS, começando a criar estas comunidades e a difundir a cultura de decisão baseada em dados, construindo a estrutura tecnológica para suportar a pessoas que estão lá na ponta pensando soluções a partir de dados”.

O Ciclo LabTech Talks prevê encontros mensais.

Texto: Anelise Rublescki - Jornalista – Ascom/SPGG

Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão